home Atividades laboratoriais Vitória brasileira garante 100% de aproveitamento de Tite

Vitória brasileira garante 100% de aproveitamento de Tite

A seleção brasileira venceu mais um jogo válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo na Rússia em 2018. A partida contra o Equador terminou em 2 a 0 para a seleção canarinho, com gols de Paulinho e Phillippe Coutinho. O resultado mantém a seleção em primeiro lugar nas Eliminatórias Sul-americanas.

 

Como a seleção já tinha se classificado para a copa do mundo de forma antecipada, a partida serviu para que o treinador pudesse manter seu 100% de aproveitamento e fazer alguns testes táticos no decorrer da partida. O próximo jogo do Brasil é contra a Colômbia no próximo dia 05/09 em Barranquilla, na Colômbia.

 

A primeira etapa da partida não foi nem um pouco empolgante. O time brasileiro teve poucos momentos de criação e Neymar não conseguia chamar a responsabilidade e resolver. Aliás, Neymar prendeu demais a bola e perdeu algumas oportunidades de fazer o time ser mais perigoso ofensivamente. O camisa 10 prendeu muito a bola e lembrou os tempos em que a seleção era treinada por Dunga, época que o jogador tinha que tentar resolver todos os jogos com sua individualidade.

 

A segunda etapa começou com Thiago Silva entrando no lugar de Miranda, que saiu devido a um choque que teve com o goleiro Alisson no fim do primeiro tempo. O trio ofensivo com Neymar, Gabriel Jesus e Willian não estava conseguindo furar a sólida defesa equatoriana.

 

Foi quando o homem do jogo saiu do banco. Phillippe Coutinho entrou no lugar de Renato Augusto aos 14 minutos e, diferente das outras partidas que jogou sob o comando de Tite, atuou no meio-campo, tendo a sua frente Neymar aberto pela esquerda; Willian aberto pela direita e Jesus como centro-avante móvel.

 

O time brasileiro melhorou muito com a entrada do camisa 11. Dez minutos após esta substituição, Paulinho, novo contratado do Barcelona, abriu o placar. Coutinho precisou de mais seis minutos para marcar o dele. Fazendo uma grande tabela com Gabriel Jesus, o meia apareceu livre na área e concluiu sem nenhuma chance para o goleiro. Na comemoração o jogador chorou, emocionado pelo momento pessoal que está passando referente a fracassada tentativa de transferência para o time do Barcelona.

 

Com essa vitória, a seleção brasileira alcançou 36 pontos e já não pode ser alcançada pelas seleções adversárias, conquistando assim o título simbólico de campeão das Eliminatórias. Essa pontuação também é um recorde para a seleção brasileira, que nunca havia somado tantos pontos assim nessa competição desde 1998, quando a competição mudou para o atual sistema de pontos corridos. Outro número que nunca havia sido alcançado era a sequência de vitórias consecutivas de um treinador à frente da seleção canarinho.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *